HOMEM É SUGADO POR TUBULAÇÃO EM MÃE LUIZA.


O morador de Mãe Luiza, Kleberson do Nascimento, de 33 anos, mais conhecido como "Neném", foi sugado pelo sistema de drenagem das obras de Mãe Luiza, quando tentava desobstruir a passagem de uma boca de lobo, na Rua Atalaia, paralela a avenida Guanabara. Com as chuvas, a rua estava alagada e o acúmulo de lixo na entrada da boca de lobo impedia que a água escoasse. Ao tentar retirar a grade, o homem foi sugado pela tubulação de cerca de 50 cm de diâmetro. O incidente ocorreu por volta das 12h deste sábado (21).


"Ele gostava de ajudar, como estava sem trabalhar sempre atendia quando alguém chamava. Agora só queremos que retirem o corpo para podermos enterrar”, afirma a irmã, a manicure Maria de Lourdes do Nascimento, de 27 anos. Segundo ela, o Corpo de Bombeiros disse ser impossível encontrá-lo com vida. Kleberson é o mais velho de seis irmãos e pai de cinco filhos, estava desempregado desde o ano passado e fazia bicos no bairro.

A tubulação está a cerca de 20 metros abaixo do solo e compõe o sistema de drenagem da obra de reconstrução da cratera de Mãe Luiza. Moradores do local afirmam que a boca de lobo foi deixada aberta pela construtora e teria sido a população a providenciar a grade metálica.

“O mais difícil é ficar sem notícias ou previsão de quando vão voltar a procurar e encontrar o meu irmão. Se fosse um rico desses prédios debaixo, entrariam a noite trabalhando”, desabafa Maria de Lourdes.

As buscas estão suspensas. O oficial de operações do Corpo de Bombeiros, tenente Pedro Henrique, explica que após horas de trabalho, o procedimento precisou ser suspenso devido ao tempo chuvoso. "O terreno não apresenta estabilidade para o maquinário continuar procurando, sob risco de deslizamentos e mais acidentes", explicou. As máquinas são as que estão executando as obras de reconstrução.

O secretário municipal de Defesa Social, Paulo César Ferreira da Costa afirma que a Defesa Civil retornará as buscas a partir das 9h deste domingo, caso não amanheça sem chuvas. “Acreditamos que o corpo possa estar preso no primeiro reservatório PV, devido o diâmetro da tubulação, que impediria ele avançar para os outros postos”, disse o secretário. O sistema drena água pluvial do alto do morro até o mar. Uma equipe da Defesa Social está em alerta permanente na área.



Fonte: Tribuna do Norte. 

PUBICIDADE



//

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
ESTAMPARIA 2F ARTIGOS PERSONALIZADOS

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE